terça-feira, 16 de abril de 2024

Projeto ‘Pró-Catador’ vai gerar emprego e renda em 40 municípios

Pró-catador é um projeto que tem como objetivo estimular o desenvolvimento de grupos econômicos solidários de catadores de materiais recicláveis e reutilizáveis, incluindo-os em redes de cooperação e comercialização de produtos em 40 municípios do estado do Maranhão. O Projeto é uma intervenção da Secretaria de Estado do Trabalho e Economia Solidária do Maranhão- SETRES, executada através de convênio com Secretaria Nacional de Economia Solidária- SENAES.

Dentre as ações do projeto estão: geração de emprego e renda, geração de trabalho e renda, capacitação, elevação de escolaridade, inclusão digital, saneamento, saúde, segurança, segurança alimentar, habitação e programas assistenciais.

Um recenseamento de catadores já está sendo feito com o objetivo de identificá-los e conhecer os locais de trabalho, para que possa ser traçado o perfil do catador do estado do Maranhão. Após esta fase, serão realizadas oficinas locais, onde grupos formais, informais, associações, cooperativas de materiais recicláveis, lideranças comunitárias e gestores públicos são convidados a conhecer e discutir questões relevantes, como o fechamento dos lixões e a adequação dos municípios à legislação vigente de resíduos sólidos.

Estão convidados a participarem desta ação, gestores públicos, líderes comunitários e catadores.

Municípios beneficiários:

Presidente Médici; Santa Inês; Zé Doca; Santa Luzia; Araguanã, Imperatriz; Açailândia. Buriticupu, Timon; Caxias; Codó; Lagoa Grande, Bacabal, São Luís; São José de Ribamar; Paço do Lumiar; Raposa, Matões; Itapecuru; Miranda do Norte. Vargem Grande; Pinheiro; Guimarães, Balsas; São Francisco do Brejão; Nova Colinas, Barra do Corda, Grajaú, Humberto de Campos Bacabeira; Barreirinhas, Matinha; Viana, Belágua; Tutóia; Chapadinha; Água Doce; São Bernardo; Araioses e Santana do Maranhão.

O número de beneficiários diretos é de 3.600 e indiretos de 10.794.

– Publicidade –

Outros destaques