sábado, 26 de novembro de 2022

Saiba quem é o ator famoso que pode pegar prisão perpétua por matar a mãe

O ator Ryan Grantham não vai mais aparecer na TV ou na tela do cinema. Ele está cumprindo pena de prisão perpétua, no Canadá, pelo assassinato da própria mãe. O julgamento foi no Supremo Tribunal da Colúmbia Britânica, uma das dez províncias do Canadá.

O ator, de 24 anos, ficou conhecido pelo papel de Jeffery Augustine, na série “Riverdale”. No dia 31 de março de 2020, ele deu tiro na nuca da mãe, Barbara Waite, quando ela tocava piano em casa. Barbara tinha 64 anos. Ele usou uma arma calibre 22 para o crime.

Ryan confessou o crime e contou que, após matar a mãe, fez anotações, gravou um vídeo ao lado do corpo (agora exibido no tribunal), saiu para pegar dinheiro, voltou para casa, testou a montagem de coquetéis molotov e viu TV durante duas horas e meia.

Ele também fez anotações no diário, inclusive sobre a intenção de matar o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau. Ryan entrou no carro, com três armas, munição, 12 coquetéis molotov, artigos de camping e um mapa. No caminho, porém, ele desistiu de matar o político e decidiu se entregar à polícia.

Inicialmente, Ryan responderia por assassinato em primeiro grau, quando não há intenção. Mas depois ele confessou que cometeu o crime por vontade própria, num surto, e passou a ser julgado por homicídio em segundo grau, cuja pena pode ser a prisão perpétua.

A promotora de justiça Michaela Donelly disse que, de acordo com psiquiatras, Ryan passou por um período de depressão e impulso suicida.

Ele argumentou que matou a mãe para poupá-la do sofrimento de vê-lo cometer violência. Argumento que, segundo Donelly, não pode ser aceito.

Donelly também disse que Ryan ficou 15 minutos carregando e descarregando a arma, antes de atirar, pensando se deveria mesmo matar a mãe. E, ainda assim, escolheu praticar o homicídio.

A série “Riverdale”, que tornou Ryan conhecido, estreou em 26 novembro de 2017 e tem seis temporadas com 112 episódios. A história gira em torno das mudanças na pacata cidade após a morte misteriosa de um jovem popular que pertencia a uma família poderosa.

Além de “Riverdale”, Ryan atuou na série de mistério “Supernatural”. Na 4ª temporada, ele interpretou Todd no episódio “Wishful Thinking”, e na 11ª temporada ele viveu um jovem caçador no episódio “Out of The Darkness, into the Fire”.

Ryan também teve outros papéis. Atuou em “IZombie”, “Falling Skies”, “Becoming Redwood”, entre outros. Ele viveu Rodney James em “Diário de um Banana” em 2010. Outro papel de Ryan foi em “O Milagre do Carpinteiro”, em 2013. E ele atuou, ainda, em Liz (2011) e “Considering Love and Other Magic”.

No Canadá, os homicídios de segundo grau – quando o assassino age com o objetivo de matar – podem ser punidos com a prisão perpétua.

A promotoria mostrou que, ao agir como agiu, Ryan Grantham representaria um perigo para a sociedade, caso deixasse a cadeia.

– Publicidade –

Outros destaques