G10 Editora

Selo de Zona Livre beneficia criadores na Expoema

A Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Sagrima) e a Agência de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged) são um dos cerca de 200 expositores que estão participando da Exposição Agropecuária do Maranhão (Expoema), que acontece,até domingo (14), no Parque de Exposições, em São Luís. Esta é a primeira Expoema realizada após o Maranhão ter sido certificado internacionalmente, em maio deste ano, pela Organização Mundial de Saúde Animal, como Zona Livre de Febre Aftosa com Vacinação.

A classificação nacional aconteceu na Expoema de 2013, em solenidade que contou com a presença do ex-ministro da Agricultura,Pecuária e Abastecimento (Mapa), Antônio Andrade, e a governadora Roseana Sarney. ?Neste período de um ano, o reflexo das certificações nacional e internacional da zona livre mostrou um aumento de cerca de 40% na emissão de Guias de Trânsito Animal (GTA), documento emitido pela Aged?, informou o secretário da Sagrima, Cláudio Azevedo. O diretor da Aged, Fernando Lima, acrescentou que dentro deste aumento, cerca de 20% das GTA?s emitidas pelo órgão, que é vinculado à Sagrima, autorizavam os criadores a vender animais para abate em outros estados, principalmente o Pará e Tocantins.

O presidente da Associação de Criadores do Maranhão (Ascem), Assub Neto, informou que outro reflexo da classificação foi o aumento da participação de animais de outros estados, a exemplo de criadores que vieram dos estados de São Paulo e Pará. ?A previsão éde que durante toda a Expoema tenhamos cerca de 1.100 animais no parque, dentre bovinos, bubalinos, equinos, caprinos e ovinos?, informou Assub Neto.

Na solenidade de abertura da Expoema, que aconteceu no domingo (7), Cláudio Azevedo afirmou que as feiras agropecuárias do Maranhão oportunizaram o melhoramento genético do rebanho maranhense. ?Atualmente, em média, um boi é abatido aos três anos e meio de idade pesando 250 quilos e na década de 70 o animal era abatido somente aos cinco anos, com apenas 150 quilos?, exemplificou o secretário.

Estande

Além das ações que culminaram no reconhecimento do Maranhão como Zona Livre que estão sendo apresentadas no estande da Sagrima e da Aged, também estão sendo expostas sementes selecionadas, implementos agrícolas (kits de irrigação, trator, grade aradora,carreta, pulverizadores) e tanque de resfriamento de leite que são distribuídos pela Sagrima.

Após a solenidade de abertura da Expoema, várias autoridades acompanharam o secretário Cláudio Azevedo até o estande. Dentre os presentes estavam o superintendente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf), João Martins;presidente do Instituto de Agronegócios do Maranhão (Inagro), José Ataíde; o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Maranhão (Faema), José Hilton Coelho de Sousa; o presidente do Fundo de Desenvolvimento da Pecuária do Maranhão (Fundepec), Osvaldo Serra; e a presidente da Associação Comercial do Maranhão, Luiza Rezende.

No estande da Sagrima o visitante terá a oportunidade de conhecer um plantio de milho, girassol, feijão, soja e alface, que foi feito na área externa do estande. O objetivo é demonstrar ao público o potencial do Maranhão para a atividade agrícola, já que o estado ocupa o 10º lugar na produção de grãos do Brasil, o 3º na produção de arroz e está finalizando uma colheita de 4,3 milhões de toneladas de grãos.

Nestas terça-feira (9) e quarta-feira(10), também no estande, será realizado pela Coordenadoria de Educação Sanitária e Comunicação da Aged, o projeto Fazendo Educação, com atividades de jogos que serão desenvolvidas com alunos de escolas municipais e comunitárias.Nos dias 11 e 12 vai acontecer o Seminário de Responsabilidade Técnica emEventos Agropecuários, para profissionais e acadêmicos de medicina veterinária.

Programação- De acordo com a Ascem, responsável pela organização da Expoema, com o apoio do Governo do Estado, por meio da Sagrima, a novidade da exposição deste ano está por conta da realização de uma das etapas do Circuito Barreto de Rodeios, que acontece na quarta-feira (10) e vai até o sábado (13).

– Publicidade –

Outros destaques