terça-feira, 31 de janeiro de 2023

Vasco marca no fim e leva vantagem para o 2º jogo contra o Botafogo

Com um gol de Rafael Silva e festa da torcida, o Vasco abriu vantagem na decisão do Campeonato Carioca de 2015 com o Botafogo. O resultado de 1 a 0 tirou a vantagem que o alvinegro tinha e que agora é dos vascaínos. O próximo jogo entre as equipes será no domingo (03/05), às 16h, também no Maraca.

 

O JOGO 

 

Com o seu estilo, o Botafogo pressionou logo ao rolar a bola. O alvinegro fez uma blitz na área Vasco, e Bill obrigou Martín Silva a fazer uma grande defesa para salvar os cruzmaltinos.   do  já levou perigo e colocou uma bola na trave.

 

Apesar do domínio nos primeiros cinco minutos, a partida começou a ficar equilibrada a partir do momento que o Gigante da Colina começou a administrar a posse de bola e a acionar suas jogadas pelas laterais. Dagoberto e Madson foram os mais participativos nas jogadas de ataque.

 

Aos 12, o camisa 11 fez uma jogada de muita beleza. Dagoberto recebe a bola na entrada da área e aplica um lençol em Giaretta. O chute foi longe, mas valeu pela pintura.

 

Aos 18, o Vasco quase marca o seu primeiro gol. Rodrigo a bola para frente e Giaretta, último homem defensivo do alvinegro, fura e deixa tudo limpo para Julio dos Santos, que exagera no chute e manda para fora, frente a frente com o goleiro Renan.

 

Rafael Silva não perdoa e Vasco larga na frente

 

A segunda etapa começou elétrica para os dois lados. Na desvantagem, os vascaínos buscaram abrir o placar logo cedo. Mas de outro lado, o Botafogo se tornou perigosíssimo com os seus ataques. Aos 8 minutos, um contra-ataque quase mortal do time de General Severiano. Rodrigo Pimpão coloca Bill em posição privilegia cara a cara com Martín Silva. O atacante tira o goleiro vascaíno dá jogada, mas na hora de finalizar, coloca muita força para o lado esquerdo e a bola vai para fora. 

 

Buscando dar maior mobilidade e velocidade, o técnico Doriva realizou as primeiras mudanças na equipe. Bernardo e Rafael Silva entraram no lugar de Marcinho e Dagoberto, respectivamente. As mudanças surtiram efeito e o clube de São Januário emplacou dois lances de perigo.

 

 
 
 

– Publicidade –

Outros destaques