terça-feira, 7 de dezembro de 2021

Auxílio Combustível Governo do Maranhão

Condenado em caso de Décio Sá, Jhonathan de Sousa é absolvido em juri

Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Jhonathan de Sousa Silva, condenado a 25 anos e três meses de reclusão pela morte do jornalista Décio Sá em 2012, foi absolvido pela morte do também detento Alan Kardeck Dias Mota, durante um banho de sol no dia 07 de janeiro do ano passado, na Penitenciária de Pedrinhas.

O julgamento foi realizado no 1º Tribunal do Júri de São Luís, no Fórum Desembargador Sarney Costa, no Calhau. A defesa do réu alegou que crime foi motivado por legítima defesa.

Jhonathan de Sousa Silva já cumpre pena pelo assassinato do jornalista e blogueiro Décio Sá, em um bar na Avenida Litorânea em São Luís. Ele também responde por outro crime, em Teresina, pela morte do corretor de veículos, Fábio Brasil, em 31 de março de 2012.

– Publicidade –

Outros destaques