quinta-feira, 16 de setembro de 2021

Conheça o novo atrativo turístico do Museu Ferroviário do Maranhão (Reffsa)

Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Foram necessárias algumas horas e cerca de 30 colaboradores para desembarcar um vagão de 44 toneladas e 26 metros de extensão na área externa do Museu Ferroviário e Portuário do Maranhão, localizado na Avenida Beira-Mar, em São Luís. Equipamento cultural vinculado à Secretaria de Estado da Cultura (Secma), o Museu funciona no prédio que no passado abrigou a extinta Rede Ferroviária Federal S.A. (REFFSA). Em novembro do ano passado, o espaço foi entregue pelo governador Flávio Dino totalmente revitalizado, e nesta terça-feira (3) ganhou um vagão doado pela empresa Vale, apto a ser o mais novo atrativo turístico e cultural de São Luís. 

O vagão doado integrou a frota de trem de passageiros na Estrada de Ferro Carajás durante as décadas de 1980 e 1990. A estrutura ainda é original, mas será totalmente restaurada pela mineradora e abrirá as portas para visitação pública em dezembro deste ano – já como extensão da área visitável do Museu Ferroviário e Portuário.

“O Maranhão é um dos poucos estados do Brasil a contar com um serviço de trem de passageiros regular. Esse vagão, além de embelezar o local, ajuda a contar sobre a importância das ferrovias, do papel social que elas desempenham, sobretudo aqui no Maranhão, com a Estrada de Ferro Carajás, que cruza 27 municípios entre o Maranhão e o Pará. Vê-lo exposto em um local de grande importância histórica para o estado, como é o Museu, significa dar continuidade à sua história, à história dos milhares de passageiros que já passaram por esse vagão”, celebra Vanessa Tavares, relações institucionais da Vale no Maranhão.

A instalação do vagão no Museu Ferroviário e Portuário contou com equipamentos de grande porte, batedores e equipes de segurança do trabalho monitorando todo o processo. Mas o esforço deu certo e a operação foi finalizada com sucesso. 

O secretário de Estado da Cultura (Secma), Anderson Lindoso, comemorou a doação, já que o novo atrativo vai ampliar as possibilidades de transmissão da história ferroviária no Maranhão, narrativa que tem como uma das protagonistas a Estrada de Ferro Carajás.

“Nós estamos aqui hoje recebendo esse vagão da empresa Vale que vai compor o cenário do Museu Ferroviário do Maranhão. Aqui, além de nós podermos ver o vagão, nós poderemos entrar para interagir e conhecer mais sobre a história da ferrovia e como essa ferrovia é importante para o escoamento da produção do país inteiro”, avalia Anderson Lindoso.

Localizado em um dos mais belos cartões-postais de São Luís, o Museu Ferroviário e Portuário do Maranhão está aberto à visitação de terça-feira a domingo, das 14h às 18h. No local é disponibilizado álcool em gel e os visitantes devem usar máscara e manter o distanciamento social.

– Publicidade –

Outros destaques