sábado, 26 de novembro de 2022

Cinco competências que o profissional de marketing deve possuir e que não mudará com o passar do tempo

Lembro de um comercial do Itaú com roteiro assinado por Nizan Guanaes que dizia: precisamos vigiar para que o mundo nunca deixe de ser humano e pessoal. E o texto complementava: a internet que nós criamos veio para melhorar e mudar muitas coisas, mas têm coisas que ela não pode e não deve mudar.

Pegando o recorte deste texto resolvi refletir sobre as competências essenciais que todo profissional de marketing deve possuir, e que mesmo com a transformação digital, elas não devem mudar. Em minha investigação de doutoramento pela Universidade de Coimbra, trago 4 tipos de competências que existem no mercado business: emergentes, declinantes, essenciais e transitórias. (Teoria de Saparrow e Bgnanno)

COMPETÊNCIASCONCEITO
EMERGENTESAs competências emergentes são aquelas que, mesmo não sendo muito relevantes no momento presente, têm grau de importância tendente a crescer ao longo do tempo.
DECLINANTESAs competências declinantes incluem aquelas que foram importantes no passado, mas se tornaram menos relevantes para a organização devido às mudanças na tecnologia ou na estratégia organizacional.
ESSENCIAIS OU PERENESAs competências estáveis, essenciais ou perenes são aquelas competências fundamentais para o funcionamento da organização e que permanecem relevantes ao longo do tempo.
TRANSITÓRIASAs competências transitórias são aquelas que, embora imprescindíveis em momentos críticos de transição, não estão diretamente relacionadas ao negócio da organização.

Hoje quero me dedicar a falar sobre as competências ESSENCIAS, aquelas que não podem e não devem mudar. Na minha visão, como executivo de mercado, pesquisador e professor de negócios, são 5.

VISÃO SISTÊMICA DO NEGÓCIO: o profissional de marketing não pode entender apenas de comunicação. Ele precisa passear por todas as áreas do negócio e possuir capacidade de interagir e colaborar com o RH, Comercial, Transformação Digital, E-commerce e todas as áreas de negócio.

FOCO EM GENTE: antes de propor qualquer ação ou estratégia para o público externo é essencial olhar para dentro de casa. Experiência do cliente começa em casa, com o time bem alinhado com a cultura do negócio. E o marketing deve colaborar com isso.

DEDICAÇÃO AO CLIENTE E CUSTOMER EXPERIENCE: pode passar anos, o cliente sempre deverá ser a razão de qualquer negócio. Entender as necessidades, desejos, dores e anseios do cliente, nunca sairá de moda.

CULTURA E SOCIEDADE: tenho alguns amigos de mercado que atuam como profissionais de comunicação ou administração e que são Mestres em Cultura e Sociedade (Luiziane Saraiva, Jarbas Campelo, Odla Albuquerque – sugiro para você leitor, seguir esses profissionais). Muita gente não sabe, mas, existe uma pós-graduação na área de cultura e sociedade. Sempre que ministrei aula na graduação, destacava a importância de o bom publicitário entender de sociologia, antropologia e psicologia. Marketing é feito por pessoas e para pessoas, compreender a cultura que o cliente está inserido evita muitas derrapadas.

NOVAS TECNOLOGIAS: a fogueira era uma tecnologia, o fogão foi outra tecnologia, o micro-ondas foi uma evolução das duas anteriores. Hoje, falamos e vivemos com a inteligência artificial, internet das coisas, tecnologias vestíveis, realidade virtual, entre outras. Como o marketing pode utilizar as novas tecnologias e potencializar as experiências de marca para os clientes – essa é a pergunta chave que todo profissional deve se fazer, seja no ano de 2022 ou no ano de 2042. Aprenda, desaprenda e reaprenda.

Passe o tempo que passar, essas 5 competências serão perenes e essenciais, coloque-as no seu radar e siga.

Fernando Coelho – Doutorando em Gamificação. Professor da ESPM Rio, ESPM Tech, UEMA e Instituto Navigare. É também Colunista do Portal Mundo do Marketing. Atua como Executivo de Marketing e Experiência do Cliente e Palestrante e Mentor de Negócios focado em Experiência do Cliente. Autor do Livro Customer Experience Descomplicado, pela Editora Autores do Brasil e mais 4 obras de negócios.

– Publicidade –

Outras publicações