Siga-nos

Educação

Cursos da UFMA ligados à área de ciências do mar receberão navio para estudo

Publicado

em

ufma
O navio tem por principal objetivo contribuir para o aprendizado dos alunos nas atividades práticas. (Foto: Reprodução)

A Universidade Federal do Maranhão vai receber do Ministério da Educação e da Secretaria da Comissão Interministerial para Recursos do Mar da Marinha do Brasil, na próxima terça-feira (14), às 9h, na Base da Capitania dos Portos, o navio Ciências do Mar II, que vai servir de laboratório para atividades acadêmicas dos cursos ligados à área de ciências do mar como, Biologia, Engenharia de Pesca, Geografia, Oceanografia, entre outros.

A embarcação faz parte de um projeto financiado pelo MEC e liderado pela Universidade Federal do Rio Grande (FURG). Com um casco de 32 metros de comprimento e três decks, a embarcação tem 12 dias de autonomia para navegação e capacidade para até 26 pessoas, entre alunos, professores e oito tripulantes.

O navio tem por principal objetivo contribuir para o aprendizado dos alunos nas atividades práticas relacionadas às ciências do mar, além de servir de plataforma para pesquisas. Com ele, os alunos poderão operar e manusear equipamentos, coletar dados, armazenar amostras e, principalmente, se ambientar a bordo de uma embarcação de pesquisa.

O Ciências do Mar II é um laboratório de ensino e pesquisa que visa atender às demandas das instituições de ensino do Maranhão e Piauí e da região Norte do país, garantindo que o estudante realize atividades práticas no mar, e que contribua para a sua formação profissional, por meio do contato direto com rotinas de bordo, inter-relacionadas com outras atividades curriculares dos cursos de ciências do mar.

O navio dispõe de equipamentos de alta tecnologia que possibilitarão às Universidades um importante espaço na tomada de decisão acerca do crescimento sustentável de atividades como as portuárias e de Engenharia Costeira, a serem desenvolvidas nas regiões atendidas. O projeto contemplará quatro navios. O primeiro está na FURG, o segundo na UFMA, e o terceiro e quarto ficarão nas Universidades Federais Fluminense e de Pernambuco.