sábado, 23 de outubro de 2021

Auxílio Combustível Governo do Maranhão

Eleições 2022: a realidade e o sonho

Foto: Reprodução
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

O vice governador Carlos Brandão reuniu-se semana passada com 15 deputados e esta, com 12 vereadores. O senador Weverton Rocha dispara ações pesadas todos os dias, ainda que desdiga alguma logo depois; mas os dois pré-candidatos estão com as atividades turbinadas.

Tem também os peixes pequenos e famintos que pulam atrás da ração, ou pra tomar um ar e mostrar o dorso brilhoso de suas vontades. É o que se pode fazer.

A pré-candidatura de Edvaldo Holanda Jr foi lançada de forma pretenciosa, principalmente pelo deputado federal Edilázio Jr. Mas, a exemplo de sua atuação como prefeito, Edivaldo Jr permanece entocado, tímido, falando pouco ou nada.

Edilázio Jr e César Pires são remanescentes do grupo Sarney, que desse nunca se afastaram. Estiveram com a ex-governadora Roseana, esses dias, tentando trazê-la para essa terceira via com Edivaldo. Mas há uma proximidade também de Roseana com o grupo de Brandão, integrado por muito remanescentes do grupo Sarney que se afastaram, a exemplo do próprio Brandão.

O grupo que se monta atualmente em torno de Brandão, o núcleo duro, é bem articulado, com larga experiência e com membros recém-chegados com especialidades que podem começar a endurecer a briga e torna-la bastante ácida.

Há uma tese de que Roseana só se interessa pela vaga no senado, o que eleva o governador Flávio Dino a candidato a vice na chapa de Lula, Brandão no PSB e Felipe Camarão como vice governador.
A gente ouve e anota; daí o mapa ser de satélite ou onírico é outra coisa. De concreto temos Brandão e Weverton com o pé na estrada e Roseana e Edivaldo nos cafezinhos em seus respectivos apartamentos.

– Publicidade –

Outras publicações