domingo, 2 de outubro de 2022

Maranhense vence na estreia no UFC em Las Vegas

LAS VEGAS, NEVADA - APRIL 16: (L-R) Caio Borralho of Brazil punches Gadzhi Omargadzhiev of Russia in a middleweight fight during the UFC Fight Night event at UFC APEX on April 16, 2022 in Las Vegas, Nevada. (Photo by Jeff Bottari/Zuffa LLC)

O maranhense Caio Borralho estreou no UFC com vitória, no último sábado (16). O lutador ludovicense estava tranquilo no combate, com uma atuação sob controle diante de Gadzhi Omargadzhiev, no UFC Vegas 51.

Após vencer dois rounds, o lutador, no fim do terceiro assalto, acertou uma joelhada ilegal no rival, que foi obrigado a desistir do duelo, e quase pôs tudo a perder. No entanto, os árbitros decidiram premiar a performance do atleta maranhense e lhe deram o triunfo por pontos.

Com esse resultado, o maranhense agora soma 11 triunfos e apenas um revés em sua carreira no MMA. Por outro lado, Gadzhi Omargadzhiev viu sua invencibilidade na modalidade chegar ao fim, depois de ter vencido seus primeiros 13 compromissos.

A luta

Quem esperava que Caio Borralho fosse se destacar apenas pela sua trocação, o primeiro round do duelo diante de Gadzhi Omargadzhiev pode ver uma nova faceta do lutador. Após ser travado e colocado para baixo pelo rival, o brasileiro soube inverter a posição e ficar por cima, desferindo socos no oponente. Na parte final do round, o ex-Contender Series pegou as costas do russo, buscou alguns ataques, mas não teve sucesso.

No segundo round, Borralho mostrou que tem um jogo de pé afiado. O brasileiro acertou uma joelhada voadora e logo na sequência um cruzado de esquerda que balançou o russo. Com o europeu meio assustado com as investidas do adversário, ele jogou um golpe e se desequilibrou. Neste momento, Caio aproveitou a chance e foi novamente para as costas do oponente, tentando um mata-leão até o fim do assalto.

Ciente que estava em vantagem pelos dois primeiros rounds, Caio foi mais cauteloso no início, vendo Omargadzhiev tentar de tudo em pé, mas não encontrar nada. Sendo assim, o russo mais uma vez tentou travar o brasileiro e recebeu mais uma invertida. Gadzhi ainda tentou enrolar a perna de Borralho para buscar alguma finalização, mas atleta do Brasil mostrou muita calma e escapou sem dificuldades.

Porém, no fim da luta, Caio ficou em uma situação dramática, quando acertou uma joelhada ilegal no europeu, que estava em três apoios. O russo sentiu o golpe no rosto e ficou caído. Na sequência, Omargadzhiev foi atendido pelos médicos do Ultimate, mas ficou sem condições de continuar e não voltou para a luta.

– Publicidade –

Outros destaques