segunda-feira, 21 setembro, 2020
Início Manchete Nova mesa diretora do Tribunal de Justiça do MA tomará posse nesta...

Nova mesa diretora do Tribunal de Justiça do MA tomará posse nesta sexta (24)

PorTJMA

A nova Mesa Diretora que vai comandar o Poder Judiciário maranhense no biênio (abril de 2020 a abril de 2022) tomará posse em sessão solene, pelo sistema de videoconferência, transmitida ao vivo pelo canal oficial do TJMA no Youtube (youtube/tjmaoficial) e pela Rádio Web Justiça do Maranhão, nesta sexta-feira (24), a partir das 10h.

Será empossado pelo atual presidente da Corte estadual, desembargador Joaquim Figueiredo, o desembargador Lourival Serejo no cargo de presidente do TJMA. Após empossado, o novo presidente do Tribunal dará posse aos desembargadores José Bernardo Rodrigues (vice-presidente) e Paulo Velten (corregedor-geral de Justiça).

A solenidade de posse – realizada por videoconferência e veiculada ao vivo online – considera as medidas preventivas impostas pelas autoridades públicas de saúde para evitar a propagação da pandemia mundial do novo coronavírus. A medida possui o ineditismo de ampliar o acesso à população maranhense e mundial de poder acompanhar ao vivo o ato solene de grande relevância da Justiça estadual.

ACESSO DIGITAL

Para acessar a página oficial do TJMA no Youtube, basta acessar o canal pelo endereço eletrônico: https://www.youtube.com/user/tjmaoficial.

A Rádio Web Justiça do Maranhão pode ser conectada por aplicativo disponível para usuários de aparelhos com Sistema Android e iOS, gratuitamente, nas lojas virtuais dos smartphones.

A emissora pode ser conectada, também, pelo aplicativo móvel TuneIn, fazendo uma busca pelos nomes Rádio TJMA ou TJMA. Quem tem sistema de mídia ou equipamento de som, com conexão por bluetooth ou USB, pode acessar a emissora no aparelho, em casa ou no carro, a partir de um celular conectado a uma rede wi-fi ou de dados móveis.

- Publicidade -
Categorias relacionadas:
- Publicidade -

Mais recentes

Em diligência no Pantanal, senadores dizem que cenário é devastador

O grupo se reuniu com representantes de proprietários de fazendas e pousadas, de ONGs e cientistas
- Publicidade -