terça-feira, 28 de junho de 2022

G10 Editora

O QUE É SPIN-OFF E COMO ELA PODE AJUDAR O MARKETING E OS NEGÓCIOS?

O Spin-off é uma estratégia comum nos grandes negócios, mas, desconhecida entre os pequenos empreendedores. O Spin-off se trata de uma estratégia de negócio de otimização da operação, expansão business e posicionamento de marca.

Ele funciona com a identificação do nascimento de negócios originados a partir de outros negócios já existentes, e que com isso ganham vida própria. Se formos traduzir literalmente significa subproduto, e é utilizada quando marcas necessitam se separar de onde foram criadas, a fim de atrair capital e investidores ou monetizar mais fortemente no mercado.

SPIN-OFF BOMBOM GAROTO

Quando por exemplo o BomBom Garoto, que faz parte do portfólio de chocolates da Garoto é vendido apartado em um saco exclusivo, isso é um exemplo de spin-off. A marca tem a possibilidade de subsegmentar um produto de destaque sem deixar de comercializá-lo agrupado a outras marcas do portfólio.

Vale destacar que como estratégia de operação, é possível criar núcleos de negócios para dedicação exclusiva da gestão de vendas e marketing, por exemplo.

O QUE O CONSELHO FEDERAL DE ADMISTRAÇÃO FALA?

De acordo com o Conselho Federal de Administração, entre outros motivos, para que uma Spin-off seja criada, está a retenção de talentos que trata da conversão de bons profissionais em sócios ou responsáveis por novos projetos empresariais, novos nichos de negócios que atendem as possibilidades de encontrar potenciais oportunidades para o empreendedor, e a gestão – considerada fundamental no processo de formulação e gerenciamento da organização, ou seja, quanto mais perto do negócio melhor o acompanhamento das atividades e resultados.

SPIN-OFF EM AGÊNCIAS DE PROPAGANDA

No Maranhão, por exemplo, o Grupo Phocus, empresa da área de marketing possuía um núcleo de Live Marketing que, dado o seu crescimento, enxergou a necessidade e e oportunidade de criar uma agência especializada, denominada de Faz Promo. Este é um exemplo de operação que já rodava muito bem, cresceu, ganhou força e foi desmembrada – tornando-se uma spin-off do grupo.

O CFA, nos traz ainda o exemplo das companhias aéreas Latam e Gol, que utilizam dos programas de fidelidade Multiplus e Smiles, respectivamente e foram transformadas em outras instituições independentes e atualmente consideradas como case de sucesso no segmento.

QUAIS OS GANHOS COM A SPIN-OFF:

Gestão independente

Estratégia segmentada

Time de marketing, vendas e operação com olhar exclusivo

Mensuração de resultados segmentados

Fortalecimento de caixa e marca

Possibilidade de cross sell entre negócios do mesmo grupo

E você, já pensou como pode atuar com essa tática no seu negócio? Vale destacar que o spin-off está focado em nichos de mercado que o negócio principal não conseguia atender. Dessa maneira, ao criar um spin-off a empresa amplia sua atuação e conquista novos públicos, o que resulta no aumento da competitividade.

Fernando Coelho

Autor do livro Customer Experience Descomplicado e mais 4 livros. Doutorando em Gamificação. Mestre em Tecnologias Educacionais. MBA em Marketing, Especialista em Administração Estratégica e Especialista em Gestão e Docência do Ensino Superior. Coordenador de Relacionamento com o Cliente na Light Energia no Rio de Janeiro, Professor de Pós-graduação da ESPM RIO e Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Gestão de Marketing, Inovação e Experiência do Cliente da UNDB.

– Publicidade –

Outras publicações