Siga-nos

Cidades

Obras do Mercado Central ainda não tem data para começar

Publicado

em

mercado central de são luis

Uma sentença judicial de 2012, determinou que a prefeitura de São Luís deveria fazer a revitalização do Mercado Central. O município recorreu em 2015, mas a sentença foi mantida. Em 2017, a prefeitura entregou um cronograma de obras que ocorreria em 27 feiras e mercados. O prazo está estipulado deste ano até 2028.

Segundo o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) informou que o projeto para a reforma está em fase final de elaboração, mas disse que, como é uma reforma de grande complexidade não é possível dar um prazo para que a obra comece.

No entanto, a situação do Mercado Central é caótica há anos. O espaço sofre com a falta de infraestrutura e necessita de uma ampla reforma. O mercado, que foi inaugurado em 1941, apresenta atualmente uma estrutura precária com muito ferro exposto na laje, rachaduras nas paredes, além da sujeira que fica espalhada ao longo do dia no local.

A falta de higiene é outro fator que colabora de maneira negativa para que os frequentadores se afastem do mercado. Em 2016, em virtude do grande número de gambiarra na fiação elétrica aconteceram vários incêndios no mercado central. Apesar de urgente a reforma, orçada em 8,8 milhões de reais com recursos do PAC cidades históricas, ainda não foi executada.