segunda-feira, 21 de junho de 2021

Arraial Live Guará - Faltam 2 dias
Setembro amarelo inicia com redução nos casos de suicídio em São Luís

Setembro amarelo inicia com redução nos casos de suicídio em São Luís

setembro amarelo
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Os números de casos de suicídio têm diminuído na capital Maranhense, segundo dados estatísticos da Secretaria de Segurança Pública (SSP), em comparação com o segundo semestre de 2017, o índice da quantidade de pessoas que cometeram suicídio no primeiro semestre desse ano diminuiu, com uma diferença de 7 pessoas. Para evitar ainda mais esses casos, começa a campanha setembro amarelo em todo o Brasil.

Os dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP) do segundo semestre de 2017, mostram que 22 pessoas tiraram suas vidas, já no primeiro semestre desse ano 15 pessoas cometeram suicídio. E somente no do mês de agosto os dados apontam três casos.

Embora os casos tenham diminuído, são 52 suicídios desde o começo de 2017 até o mês de agosto deste ano, por isso é necessário campanhas para prevenção.

Segundo o psiquiatra Ruy Palhano, vários fatores acabam colaborando, podendo ser fatores internos a pessoa ou fatores externos. “O carro forte da motivação do suicídio são as doenças mentais. O grande motivo psicopatológico do suicídio é a depressão, o que acaba fazendo o indivíduo pensar em tirar sua vida”, diz o psiquiatra.

“Uma das primeiras manifestações com relação aos comportamentos é o isolamento social. O suicida em princípio se encontra isolado, ao ponto que as pessoas que estão em volta percebam, um dos comportamentos característicos é o desinteresse pela vida, como também pessoas em estado grave de esquizofrenia, de depressão e também de dependência química”, explica ele.

Para ajudar a evitar esse quadro e diminuir ainda mais o índice de suicídios, neste mês de setembro, a campanha setembro amarelo lembra a população desses casos. O objetivo central da campanha é alertar a população a respeito da realidade do suicídio no Brasil e no mundo.

Além disso, será aberto em são Luís na próxima quinta feira (06), ao lado do Parque Bom Menino, no 1º. Batalhão de Bombeiros Militar (1º BBM), um posto do Centro de Valorização da Vida (CVV), que realiza apoio emocional e prevenção do suicídio. O CVV atende voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone, e-mail e chat 24 horas todos os dias.

O CVV vive por voluntários e a unidade que será aberta em são Luís, conta com a ajuda da Secretaria de Segurança Pública, Secretaria de Estado da Saúde e também do Comandante do 1º. Batalhão de Bombeiros Militar (1º BBM) que cedeu uma sala para o CVV realizar seus trabalhos.

– Publicidade –

Outros destaques