sábado, 23 de outubro de 2021

Auxílio Combustível Governo do Maranhão

Tecnologia e experiência do cliente, como o varejo pode se beneficiar nesta dupla?

Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

A sociedade mudou e se tornou mais digital (ou digitalizada). E para um mundo que não para de se transformar digitalmente, é fundamental negócios cíbridos.

O cibridismo, é um conceito que trabalho em meu livro A Sua Marc@ no Digital (editora Laboro, 2018), e que retrata a nossa sociedade atual – as pessoas são on e off ao mesmo tempo, a sociedade está hiperconectada e busca fazer tudo com um clique e na palma da mão – pelo celular.

E como o varejo deve se adaptar a essa realidade?

Se transformando digitalmente! Revendo jornadas, mudando processos e implementando novas tecnologias na operação. O grande desafio das marcas é facilitar a vida do cliente na hora de comprar, pagar e receber os seus produtos.

Terá cliente que vai preferir receber em casa, outros que , vão comprar no APP e retirar na loja e terão aqueles que vão querer comprar na loja e receber em casa. Qual o nosso desafio? ENTENDER E ATENDER CRIBRIDAMENTE.

DE ACORDO COM A MAILBIZ, EXISTEM DIVERSAS OPÇÕES DE LOGÍSTICA NO VAREJO E E-COMMERCE PARA OS PRÓXIMOS ANOS, SEPAREI ALGUNS INSIGHTS PARA COMPARTILHAR:

SHIP FROM STORE: utilizar o estoque da loja física para atender os pedidos online.

ENTREGAS ULTRA RÁPIDAS: muitos clientes querem receber os produtos o quanto antes, o que leva o e-commerce a realizar entregas cada vez mais rápidas. A Amazon, por exemplo, com o Prime Air, promete entregas em até 30 minutos.

DRONES: também com o objetivo de otimizar entregas, os drones podem ser aliados do comércio online. Inclusive, há modelos de drones que conseguem transportar até 200 kg.

ENTREGAS SUSTENTAVEIS: No Rio de Janeiro, o Pão de Açúcar se rendeu à era da mobilidade elétrica. Desde de julho de 2021, a empresa passou a fazer entregas por veículos elétricos para as compras feitas pelo e-commerce do grupo, seja no site ou no aplicativo.

PRODUTOS RASTREADOS: por meio das tecnologias de GPS otimizadas, o rastreamento dos produtos se torna muito mais preciso.

BIG DATA: dados são essenciais para compreender o comportamento do cliente. Por meio deles, os negócios conseguem traçar estratégias personalizadas para cada região, como fazer promoção de um produto específico que tem ótima venda em uma determinada cidade.

O resultado de todo esse esforço e tecnologias é mais integração do processo, assertividade no atendimento e entrega, compreensão da persona e melhoria na experiência do cliente. E na sua empresa, como está este movimento?

Fernando Coelho

Autor do livro Customer Experience Descomplicado e mais 4 livros. Doutorando em Gamificação.  Mestre em Tecnologias Educacionais. MBA em Marketing, Especialista em Administração Estratégica e Especialista em Gestão e Docência do Ensino Superior. Coordenador de Relacionamento com o Cliente na Light Energia no Rio de Janeiro, Professor de Pós-graduação da ESPM RIO e Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Gestão de Marketing, Inovação e Experiência do Cliente da UNDB.

– Publicidade –

Outras publicações