quarta-feira, 24 de julho de 2024

Doações chegam às vítimas das chuvas no interior do Maranhão através dos Correios

Os Correios iniciaram a entrega de mais de 10 mil itens às vítimas atingidas por chuvas e enchentes em 24 municípios maranhenses.

Os itens doados trata-se de objetos que passaram por todas as tentativas de entrega, não foram procurados pelos destinatários nem pelos remetentes e já ultrapassaram o prazo de 90 dias para reclamação previsto no Código de Defesa do Consumidor. 

A ação humanitária foi iniciada na cidade de Cantanhede, que possui mais de 800 famílias desabrigadas ou desalojadas. A população recebeu calçados, peças de vestuário e roupas infantis, utensílios domésticos e até brinquedos para as crianças, além de cestas básicas. 

O superintendente dos Correios no Maranhão, Thiago Silva Serra, participou da distribuição e colocou a estrutura dos Correios à disposição dos municípios atingidos. “Todas as agências próprias dos Correios no Maranhão estão recebendo doações para as vítimas das chuvas que atingiram o interior do estado. Além de coletar os donativos, a estatal também irá transportar gratuitamente as doações às prefeituras dos municípios afetados pelos temporais”, afirmou. 

Serão aceitos, até o dia 20 de abril, alimentos da cesta básica, produtos de higiene pessoal e itens de vestuário. Esses são os itens de maior necessidade no momento, segundo informações da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (FAMEM), instituição parceira dos Correios nesta ação. 

O presidente da FAMEM, Ivo Rezende, ressaltou a importância da parceria dos Correios no socorro às vítimas das chuvas. “Essa ação só está sendo possível graças ao empenho do Governo do estado e dos Correios. Ambos responderam de forma imediata a nossa busca por auxílio. Essa é uma primeira etapa dessa distribuição. Agora, as doações chegarão às 24 cidades, mas já estamos nos mobilizando para conseguir executar a segunda etapa, contemplando os demais municípios”, finalizou.

– Publicidade –

Outros destaques