quarta-feira, 4 de agosto de 2021

Pimentas: conheça 3 vantagens que vão além do ardor na boca

Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Usada em várias receitas como molhos quentes, sopas, pratos de carne, alimentos grelhados ou até pura para garantir o sabor, a pimenta contém componentes que promovem e preservam a saúde.

Saborosa e picante, agrada os paladares mais ousados e pode favorecer o organismo de muitas formas. Kátia Souza, nutricionista do Grupo Mateus, explica que pimentas variam de acordo com a origem e o poder de picância,
mas todas são ricas em capsaicina, um poderoso antioxidante e anti-inflamatório que ajuda a melhorar a digestão e aliviar a dor. “As pimentas são benéficas para o organismo porque possuem atividades antimicrobiana, anti-inflamatória, anticancerígena, melhoram a digestão, diminuem os níveis de colesterol e, por ter efeito termogênico, ou seja, acelerar o metabolismo, ajudam a emagrecer”, revela a nutricionista.

Para conhecer mais sobre seus principais benefícios, listamos três vantagens no consumo desse alimento.

Confira:

Pimenta ajuda a emagrecer

É um condimento de baixa caloria (cerca de 40 a cada 100 g) e rica em vitaminas A e C. Por conter capsaicina, a taxa de digestão aumenta quando consumida, o que auxilia na redução de gorduras e na perda de peso.

Antioxidante

As pimentas que possuem o composto capsaicina, como a Jalapeño, previnem o envelhecimento precoce, doenças cardíacas e crônicas. Os flavonoides presentes em alguns tipos ajudam na neutralização de radicais livres, que podem causar muitas formas de câncer, Mal de Alzheimer e Parkinson.

De uma forma geral, ela possui ação anti-inflamatória, além de ser anticoagulante e ajudar a reduzir os níveis de colesterol ruim (LDL) e aumentar os do bom (HDL), sendo, portanto, ótima para a saúde do coração.

Humor

Quem consome pimenta tem chances de ser mais feliz! Ela promove sensação de bem estar ao liberar noradrenalina e adrenalina, que além de tudo são capazes de diminuir o apetite. Esse efeito antidepressivo se dá pelo poder que esses compostos têm de deixar a pessoa mais alerta.

– Publicidade –

Outros destaques